2017

Física aplicada e Inovação tecnológica: O Prof. Jorge Henrique Oliveira Sales desenvolveu, em conjunto com dois alunos do curso de Física da UESC (e outros colaboradores) um sistema inovador de secagem de amêndoas de cacau que tem potencial para otimizar, em tempo e espaço, o sistema atual de secagem de grãos baseado em barcaças. O modelo físico da torre proposto pelos pesquisadores foi testado em protótipo e seus resultados validados. Desta ideia nasceu uma empresa, a SelfEnergy, incubada no CEPEDI (Ilhéus). Este trabalho recebeu o prêmio Alcoa em Inovação em Alumínio 2015, e também o prêmio de melhor artigo no SIMEP (Simpósio de Engenharia de Produção). Os detalhes podem ser vistos neste endereço.


2016

Oportunidade (PNPD): Estão abertas até 30 de Novembro de 2016 as inscrições para a seleção de 1 (um) Bolsista de Pós-Doutorado (PNPD/CAPES), para atuação no Programa de Pós-Graduação em Física da UESC. Maiores informações podem ser obtidas neste link.


 Ciência: Pedido de tempo de 10 noites com o SOAR aprovado

Recentemente os pesquisadores Leandro Kerber (UESC), Bruno Dias (ESO), Beatriz Barbuy (IAG/USP) e Eduardo Bica (UFRGS) tiveram aprovada proposta de observação de 10 noites (80h) com o SOAR, telescópio de 4.2m localizado nos andes chilenos. Este é o maior tempo de telescópio dado a um único projeto em um semestre ao longo dos mais de 10 anos de operação do SOAR, correspondendo a 15% das noites brasileiras no semestre 2016B.  Durante este período de observação os pesquisadores pretendem ampliar os seus estudos sobre a evolução química e dinâmica da Pequena Nuvem de Magalhães (SMC), uma galáxia anã irregular vizinha à Via-Láctea e localizada a cerca de 200.000 anos-luz de nós. Para isso irão estudar cerca de 30 aglomerados estelares espalhados pelas regiões externas desta galáxia. Como as estrelas de cada aglomerado possuem aproximadamente a mesma idade e composição química, tais sistemas físicos acabam servindo como excelentes testemunhas da evolução da galáxia hospedeira, permitindo, por exemplo, a determinação de gradientes de idade e metalicidade. Em recente artigo, publicado na revista Astronomy & Astrophysics (Dias et al. 2016), a colaboração encontrou evidências da ação de forças de maré na SMC (devido a sua interação com a Via-Láctea e a Grande Nuvem de Magalhães) que podem estar resultando no desmembramento de uma região conhecida como West Halo. Com os novos dados os pesquisadores terão três vezes mais aglomerados para analisar, e com isso esperam colocar fortes vínculos para os modelos de evolução química e dinâmica da SMC.

 

 


 

Convênio/Projetos: Foi estabelecido recentemente um acordo bi-lateral de cooperação acadêmica e científica entre a Université Grenoble Alpes (França) e a UESC. O convênio tem como responsáveis os pesquisadores Adriano Hoth Cerqueira (UESC) e Bertrand Lefloch, do Institut de Planétologie e d'Astrophysique de Grenoble (IPAG, UGA), é válido por cinco anos (a partir de Agosto de 2016), e prevê atividades de cooperação entre ambas as instituições (maiores detalhes podem ser vistos neste link). Paralelamente foi divulgado no dia 28/06/2016 o resultado da chamada CAPES-Cofecub (Edital 16/2015). O projeto entitulado "Acreção e perda de massa em estrelas jovens", de autoria da pesquisadora Silvia Alencar (DF/ICEx/UFMG) em colaboração com Jerome Bouvier (IPAG/UGA) foi um dos projetos selecionados. Este projeto conta com a participação dos Profs Adriano Hoth Cerqueira e Maria Jaqueline Vasconcelos e seus colaboradores no IPAG.

 


 

Edital 2016.2: O Edital para o ingresso no programa, semestre 2016.2, foi lançado. Confira aqui o Edital. O cartaz de divulgação do processo seletivo está disponível aqui.

 


 

Artigo: Foi publicado recentemente no periódico Physical Review D o artigo do Prof. Airton Deppman intitulado "Thermodynamics with fractal structure, Tsallis statistics, and hadrons". Neste trabalho mostra-se que sistemas termodinâmicos que apresentem uma estrutura hierárquica de sub-sistemas, cujas funções termodinâmicas possuam uma estrutura fractal, chamados pelo autor de sistemas termofractais, podem ser melhor descritos pela estatística de Tsallis. As implicações para a interpretação de dados experimentais em física de altas energias (estrutura de hádrons) são consideradas. Maiores detalhes podem ser vistos aqui: http://journals.aps.org/…/abstra…/10.1103/PhysRevD.93.054001


 

 

I Workshop de Avaliação Interna do Profísica:  Acontece no dia 02 de março o I Workshop de Avaliação Interna do Profísica, que tem como objetivo traçar metas para os próximos anos tendo em vista as potencialidades do programa. Os detalhes da programação podem ser vistos aqui.

 


 

Matrícula 2016.1: A matrícula para o semestre 2016.1 ocorrerá no período de 01 de março a 15 de abril de 2016. Maiores detalhes podem ser obtidos aqui.

 


 

Novo Regimento:  Para os alunos que ingressarem no programa a partir de 2016.1, um novo regimento será aplicado. Faça o download do regimento clicando aqui.

 


 

Artigo: Stochastic quintessence models: Jerk and fine-structure variability constraints (Christine C. Dantas & André L.B. Ribeiro) acaba de ser aceito para publicação no Physical Review D. O artigo apresenta modelos cosmológicos estocásticos impondo restrições sobre o parâmetro cinemático "jerk" e possíveis variações da constante de estrutura fina. Uma versão integral do artigo pode ser encontrada aqui.