Início Parque Marinho Zonas Prioritárias
Zonas prioritárias

Até o momento não foi possível conhecer variações internas aos recifes, capazes de promover a segregação da biodiversidade. Portanto, toda a área a menos de 200 metros de distância destes foi considerada prioritária para preservação. Devido à função que o parque pretende exercer na preservação do Epinephelus itajara, seus locais de reprodução devem ser considerados áreas de elevado interesse para preservação. A área incluída a uma distância inferior a 1 km da costa, também foi considerada de interesse para a conservação marinha, devido ao Art. 7 da Instrução Normativa n°. 14 de 14 de outubro de 2004 do IBAMA, que proíbe o arrasto motorizado a menos de menos de mil metros da costa, entre os municípios de Itacaré e Belmonte.


O mapeamento das áreas prioritárias para preservação partiu da demarcação dos locais de captura do E. itajara realizada com DGPS, sob a orientação de um experiente caçador submarino aposentado. Em seguida uma distância de 200 metros foi delimitada em torno dos pontos. Paralelamente, foram delimitadas duas outras zonasde 100 e 200 metros em torno dos recifes para delimitar as áreas prioritárias para preservação do restante da fauna recifal. A zona de restrição ao arrasto foi delimitada a um 1 km da linha de costa.
 
Mapeamento das zonas prioritárias para conservação na área do PMMPI.
 

Parceiros
Universidade Estadual de Santa Cruz  LAPA - Laboratório de Analises e Planejamento Ambiental   Fapesb  SOS Mata Atlântica  Floresta Viva Prefeitura de Ilhéus - Secretaria de Meio Ambiente