Doutoranda do PPG-GBM da UESC realiza estágio de 1 ano na Universidade da Florida - Estados Unidos

 

A doutoranda Flora Bittencourt do PPGGBM embarcou em outubro de 2014 para os Estados Unidos onde realizará parte de seus experimentos na Universidade da Florida sob co-orientação do Dr. Matias Kirst. Seu projeto de doutorado, orientado pelas Dras. Fernanda Amato Gaiotto (orientadora) e Fabienne Micheli (co-orientadora) busca encontrar genes responsáveis pela determinação do sexo em espécie vegetal dióica (que possui sexos masculino e feminino ocorrendo em indivíduos distintos, como ocorre nos animais). O treinamento nos Estados Unidos financiado pela Capes (bolsa sanduiche, passagens aéreas e auxílio instalação) será em técnicas de Sequenciamento de Última Geração (Next Generation Sequencing – NGS). Esta técnica permitirá a identificação de muitos genes simultaneamente, o que facilitará a compreensão do desenvolvimento do sexo em plantas da espécie Carpotroche brasiliensis (Fruto-de-paca) e determinação de estratégias de sexagem nesta espécie. Esta planta é nativa da Floresta Atlântica do Brasil e produz um óleo antileprótico e bactericida de amplo interesse para a indústria farmacêutica e de cosméticos. Seus tratos agrosilviculturais são semelhantes aos do cacau (Theobroma cacao), o que permite o enriquecimento de cabrucas com esta espécie e portanto aumento da biodiversidade agroflorestal, alèm de forcencer uma renda alternativa para os pequenos produtores rurais da região sul baiana.

Flora Bittencourt na entrada (foto de esquerda) e no parque (a direita) da Universidade da Florida.

Campus Soane Nazaré de Andrade, Rodovia Jorge Amado, Km 16, Bairro Salobrinho CEP 45662-900. - Ilhéus/BA